quinta, 16 de setembro de 2021
Cinema Ação Comédia

Free Guy: Assumindo o Controle


Free Guy: Assumindo o Controle
Garanta seu Ingresso!
Ingresso.com

Para leigos no mundo dos videogames: NPC, em inglês non-player character, é um personagem não jogável com o qual o usuário pode interagir para completar suas missões, mas não controlá-lo. Guy (Ryan Reynolds, Deadpool) é um NPC, um pacato caixa de banco, sujeito inocente, otimista e sociável que toca a repetitiva rotina em Free City, um jogo de ação e violência no estilo Grand Theft Auto (GTA). Buddy (Lil Rel Howery, Bird Box) é o segurança do banco e melhor amigo de Guy, pra quem nosso herói admite estar em busca de um amor. A eleita surge na pele da motoqueira Molotovgirl. Só que Guy não sonha que a moça é o avatar da programadora de videogames Millie (Jodie Comer, série Killing Eve) e muito menos que seu mundo é virtual.

Free Guy: Assumindo o Controle

Sim, Free Guy: Assumindo o Controle se passa entre os dois universos. Millie e o amigo Keys (Joe Keery, série Stranger Things) são os jovens visionários que criaram Free City, mas quem ganhou o mérito foi o ganancioso e narcisista magnata dos games Antwan, interpretado pelo ator e diretor Taika Waititi (Jojo Rabbit). É ele quem Guy desafia quando descobre toda a verdade, começa a tomar o controle da própria história e chamar a atenção como o novo herói do jogo. O que Antwan faz? Recruta dois funcionários para deletá-lo.

Free Guy: Assumindo o Controle

Para entender como essa trama simples rendeu uma aventura tão empolgante é preciso pensar na trupe formada por Reynolds, os roteiristas Matt Lieberman (Brincando com Fogo) e Zak Penn (Jogador Nº 1) e o diretor Shawn Levy (série Stranger Things). Expert em produções para a família embaladas por efeitos especiais, como a franquia Uma Noite no Museu e o sucesso Gigantes de Aço, o cineasta junta o time e provoca a tempestade perfeita. A cidade de Boston serve de cenário para Free City, e o visual “mezzo” realista “mezzo” computadorizado transporta o público para dentro do games em um colorido vibrante e convidativo.

Free Guy: Assumindo o Controle

Reynolds deixa a boca suja de Deadpoll de lado e convence como bom moço nessa legítima comédia romântica de ação, que conversa com a nova geração enquanto aposta no pop dos anos 90 para a trilha sonora. Além da aparição de figuras conhecidas do universo gamer, a produção promove uma festa de easter eggs, alguns capazes de arrancar gritos e aplausos da plateia nos cinemas. Não espanta que Free Guy: Assumindo o Controle tenha alcançado 95% de aprovação da audiência no site “termômetro” Rotten Tomatoes.




Trailer

Ficha Técnica

Título: Free Guy: Assumindo o Controle/Free Guy
Direção: Shawn Levy
Duração: 115 minutos

País de Produção/Ano: EUA/Canadá, 2021
Elenco: Ryan Reynolds, Jodie Comer, Taika Waititi, Lil Rel Howery, Joe Keery, Utkarsh Ambudkar
Distribuição: 20th Century Studios

Garanta seu Ingresso!
Ingresso.com

Compartilhe!

Suzana Uchôa Itiberê

Suzana Uchôa Itiberê

Posts do Autor

Cinéfila incorrigível, jornalista de plantão, crítica de cinema (não muito) chatinha e editora caprichosa. Cria do jornal O Estado de S. Paulo, trabalhou nas revistas TVA, Set, Istoé Gente e foi cofundadora da revista Preview. Membro da Abraccine (Associação Brasileira de Críticos de Cinema).

Comentar

* Informação requerida
1000
Iamgem do Captcha

Comentários (0)

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro!