domingo, 11 de abril de 2021

A Desordem que Ficou


A Desordem que Ficou
Assista Agora!
Netflix

Quando Raquel muda-se para a pequena cidade natal do marido no interior da Galícia, ao norte da Espanha, a ideia é superar a crise no casamento, a morte recente da mãe e resgatar sua carreira como professora de literatura. A diretora da escola que a contratou não informou um “pequeno” detalhe: ela substituirá Viruca, encontrada morta por suposto suicídio. Interpretadas por Inma Cuesta (Viver Duas Vezes) e Bárbara Lennie (Um Contratempo), Raquel e Viruca têm suas vidas narradas em paralelo na série de suspense A Desordem que Ficou, mais uma criação do espanhol Carlos Montero, roteirista da comédia dramática Gente Que Vai e Volta e criador da série Elite, todas produções da Netflix.

Montero adapta o premiado romance homônimo de sua autoria, e volta-se novamente para dois núcleos que lhe são caros: famílias disfuncionais e jovens “transviados”, para citar o clássico filme com James Dean. A família em questão não é só a de Raquel, que tinha um relacionamento conturbado com a mãe, ou a do marido, Germán (Tamar Novas, Abraços Partidos), um escritor frustrado que pretende assumir o restaurante que está aos cuidados da mãe viúva. A cidadela é, em si, uma grande família. Todo mundo se conhece, algumas relações são escusas e Raquel logo se vê como forasteira.

Tratada com hostilidade pelos alunos, que colocam Viruca em um pedestal, ela decide investigar o passado daquela mulher sedutora, que parece ter virado a cabeça de muita gente. Três desses jovens, porém, se mostram especialmente determinados em transformar a vida de Raquel em um inferno: o raivoso Iago (Arón Piper), sua namorada Nerea (Isabel Garrido) e o enigmático Roi (Roque Ruiz). O nível de manipulação dessa trinca nociva inclui invasão virtual e chantagem. Raquel fica obcecada em desvendar as razões do fascínio exercido por Viruca, e as reais circunstâncias de sua morte.

A Desordem que Ficou tem oito episódios e a partir do terceiro as máscaras começam a cair. Há algo de muito sórdido naquela comunidade e a errante trajetória de Viruca é o que confere à série o status de thriller. Região de famosas águas termais, grandes lagos e natureza exuberante, a Galícia é um cenário que espelha o sangue quente dos personagens, em contraponto com o período de inverno em que a trama se desenrola. Esse jogo de opostos se reflete também na personalidade das protagonistas, que são tão frágeis quanto determinadas.

Raquel tem um ombro amigo em Tere (Abril Zamora, de Rosa e Momo), que vem da cidade grande para socorrê-la nas horas mais difíceis, enquanto Viruca é mais o tipo “cavaleiro solitário”. Embora o universo feminino esteja em primeiro plano, o enredo não descuida dos homens que orbitam ao redor de Viruca e Raquel – um mais complicado que o outro. A solução da misteriosa morte de Viruca não empolga, mas também não prejudica o desfecho. A Desordem que Ficou tem sua força maior no desenho dos personagens. São eles, com seu amontoado defeitos e qualidades, que provocam empatia e deixam o espectador grudado na tela.




Trailer

Ficha Técnica

Título: A Desordem que Ficou/El Desorden que Dejas
Direção: Carlos Montero, Roger Gual, Sílvia Quer
Duração: 50 minutos

País de Produção/Ano: Espanha, 2020
Elenco: Inma Cuesta, Bárbara Lennie, Tamar Novas, Arón Piper, Roberto Enríquez, Roque Ruíz, Isabel Garrido, Abril Zamora
Distribuição: Netflix

Assista Agora!
Netflix

Compartilhe!

Suzana Uchôa Itiberê

Suzana Uchôa Itiberê

Posts do Autor

Cinéfila incorrigível, jornalista de plantão, crítica de cinema (não muito) chatinha e editora caprichosa. Cria do jornal O Estado de S. Paulo, trabalhou nas revistas TVA, Set, Istoé Gente e foi cofundadora da revista Preview. Membro da Abraccine (Associação Brasileira de Críticos de Cinema).

Comentar

* Informação requerida
1000
Iamgem do Captcha

Comentários (0)

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro!