quinta, 26 de novembro de 2020

Mostra SP: Fábulas Ruins


Mostra SP: Fábulas Ruins
Assista Agora!
Mostra Play

O narrador de Fábulas Ruins anuncia: “é um filme inspirado em história verídica, a história verídica é baseada em uma história fictícia e a história fictícia não é muito inspirada”. A voz sem rosto conta que achou o diário de uma menina em sua caixa postal, e que decidiu preencher as páginas em branco com algo útil. Para o espectador, o descolamento da realidade é um alento, porque a história é digna de Nelson Rodrigues. A vida como ela é, com um toque a mais de anormalidade.

O roteiro circular é muito sofisticado, e foi premiado com o Urso de Prata no Festival de Berlim. É verão, mas há trovões constantes nas nuvens carregadas. Em um pequeno subúrbio de classe média nos arredores de Roma, vizinhos pré-adolescentes aproveitam as férias. As cenas em câmera lenta de uma brincadeira com água são embaladas por uma orquestra de cordas que arranham acordes estridentes. A suposta dona do diário está entre eles.

Os adultos surgem reunidos em um jantar na casa dos pais dela. O anfitrião pede que a garota e o irmão leiam as notas máximas dos boletins. Há uma tensão tangível nesse exibicionismo. Próximo ao conjunto de casas moram em um trailer o garoto tímido e o pai “eterno adolescente”. Não chegam a ser outsiders, apesar de esquisitos. Há também a vizinha jovem e grávida, filha de mãe solteira, que desperta o desejo no irmão da dona do diário.

A rotina parece corriqueira, mas o grotesco se revela pelas lentes intrometidas dos irmãos Fabio e Damiano D’Innocenzo. Há uma tempestade no horizonte, anunciada pelo calor sufocante e por pequenas ações que indicam que a garotada está preparando algo radical para expressar seu descontentamento com suas famílias disfuncionais. É um plano dantesco, com consequências devastadoras. Fábulas Ruins é hipnotizante. Bom seria se fossem apenas Contos da Carochinha.  




Trailer

Ficha Técnica

Título: Fábulas Ruins/Favolacce
Direção: Damiano D Innocenzo, Fabio D Innocenzo
Duração: 98 minutos

País de Produção/Ano: Itália/Suíça, 2020
Elenco: Elio Germano, Barbara Chichiarelli, Lino Musella, Gabriel Montesi, Max Malatesta, Tommaso di Cola
Distribuição: Mostra SP

Assista Agora!
Mostra Play

Compartilhe!

Suzana Uchôa Itiberê

Suzana Uchôa Itiberê

Posts do Autor

Cinéfila incorrigível, jornalista de plantão, crítica de cinema (não muito) chatinha e editora caprichosa. Cria do jornal O Estado de S. Paulo, trabalhou nas revistas TVA, Set, Istoé Gente e foi cofundadora da revista Preview. Membro da Abraccine (Associação Brasileira de Críticos de Cinema).

Comentar

* Informação requerida
1000
Iamgem do Captcha

Comentários (0)

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro!