quinta, 26 de novembro de 2020

Mostra SP: Nova Ordem


Mostra SP: Nova Ordem
Assista Agora!
Mostra Play

Psicólogos especializados em educação gostam muito da expressão “quem grita perde a razão”. O cineasta mexicano Michel Franco não grita, ele urra com seu polêmico Nova Ordem, vencedor do Leão de Prata do júri de Veneza 2020 e filme de abertura da Mostra SP 2020. Há ecos do aclamado Parasita na primeira etapa, ambientada em uma luxuosa festa de casamento. Pela moderna residência transitam noivos e convidados, brancos e esnobes, servidos por uma horda de empregados com feições indígenas. Mais caricato, impossível.

Nos arredores acontece uma violenta revolta popular. Um grupo de manifestantes invade a festa e realiza um massacre. Os funcionários entram na onda, roubam e atacam a elite. A única da família que não está ali é a noiva, que saiu momentaneamente para ajudar um antigo funcionário cuja esposa está doente. Mensagem: a boazinha será poupada. Será? A primeira sessão de horror termina com a chegada do exército, que toma o poder. Pobre da noiva que, amparada pelos militares, acha que está a salvo.

Do confronto entre a plebe e a nobreza emerge a Nova Ordem, um regime fascista que recorre à barbárie como método de opressão. Tortura, estupro coletivo, chantagem, assassinatos e toda sorte de selvageria são mostrados explicitamente por um cineasta com o firme propósito de chocar. Quem assistiu à Depois de Lúcia sabe que sutileza não faz parte do cardápio do diretor mexicano. Na ânsia de escancarar o drama da disparidade social e atacar o totalitarismo – causa nobre, portanto -, Franco se debruça sobre a forma e abre mão do humano, com personagens rasos e unilaterais.

Seu bramido é atemporal e universal, isso é inegável, mas Franco faz um ruído tão sádico e apelativo visualmente que perde a força, a emoção se esvai. Muito mais potente, por exemplo, é a crítica social fabular de Os Miseráveis, produção francesa de Ladj Ly que concorreu ao Oscar 2020 de melhor filme internacional e dividiu com o brasileiro Bacurau o Prêmio do Júri em  Cannes 2019 – disponível em streaming.




Trailer

Ficha Técnica

Título: Nova Ordem/Nuevo Orden
Direção: Michel Franco
Duração: 87 minutos

País de Produção/Ano: México/França, 2020
Elenco: Naian González Norvind, Diego Boneta, Samantha Yazareth Anaya, Dario Yazbek Bernal, Patricia Bernal, Diego Boneta, Mónica Del Carmen
Distribuição: Mostra SP

Assista Agora!
Mostra Play

Compartilhe!

Suzana Uchôa Itiberê

Suzana Uchôa Itiberê

Posts do Autor

Cinéfila incorrigível, jornalista de plantão, crítica de cinema (não muito) chatinha e editora caprichosa. Cria do jornal O Estado de S. Paulo, trabalhou nas revistas TVA, Set, Istoé Gente e foi cofundadora da revista Preview. Membro da Abraccine (Associação Brasileira de Críticos de Cinema).

Comentar

* Informação requerida
1000
Iamgem do Captcha

Comentários (0)

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro!