quinta, 25 de fevereiro de 2021

Anna Karenina: A História de Vronsky


Anna Karenina: A História de Vronsky
Assista Agora!
NET NOW A La Carte

Keira Knightley, Sophie Marceau, Vivien Leigh e até Greta Garbo estão entre estrelas que interpretaram a trágica Anna Karenina, nas dezenas de adaptações do clássico romance de Leon Tolstoi para o cinema e a TV. Assim como Madame Bovary, da obra de Gustav Flaubert, essa é outra personagem literária que não se esgota. 

Anna Karenina: A História de Vronsky tem um plus. É dirigido pelo russo Karen Shakhnazarov, que se baseia não só em Tolstoi, mas no livro Notas de um Médico sobre a Guerra Russo-Japonesa, de Vikenty Veresaev. A trama parte do encontro entre o médico Sergei Karenin, filho de Anna, e Vronsky, logo após o término de uma das batalhas da Guerra Russo-Japonesa, no início do século 20.

No hospital militar de um vilarejo na Manchúria, Karenin descobre entre os feridos o homem pelo qual sua mãe abriu mão de tudo, inclusive dele. O médico pede ao conde que lhe conte sobre Anna, na tentativa de compreender seu suicídio. É um ponto de vista original e os 30 anos que separam presente e passado rendem um retrato mais lúcido, e de certa forma saudoso, do escândalo provocado pelo affair.

A produção é luxuosa e o elenco, diferenciado. Elizaveta Boyarskaya é um assombro de linda e o Vronsky de Maksim Matveyev arranca suspiros – eles são casados na vida real. Talvez por ser em russo, há uma potência feroz na voz da atriz, um ardor e um desespero que faz a Anna de Keira Knightley parecer uma princesa da Disney. 




Trailer

Ficha Técnica

Título: Anna Karenina: A História de Vronsky/Anna Karenina - Istoriya Vronskog
Direção: Karen Shakhnazarov
Duração: 98 minutos

País de Produção/Ano: Rússia, 2017
Elenco: Elizaveta Boyarskaya, Maksim Matveev, Grebenshchikov, Vladimir Ilin
Distribuição: CPC-UMES Filmes

Assista Agora!
NET NOW A La Carte

Compartilhe!

Suzana Uchôa Itiberê

Suzana Uchôa Itiberê

Posts do Autor

Cinéfila incorrigível, jornalista de plantão, crítica de cinema (não muito) chatinha e editora caprichosa. Cria do jornal O Estado de S. Paulo, trabalhou nas revistas TVA, Set, Istoé Gente e foi cofundadora da revista Preview. Membro da Abraccine (Associação Brasileira de Críticos de Cinema).

Comentar

* Informação requerida
1000
Iamgem do Captcha

Comentários (0)

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro!