quarta, 25 de novembro de 2020

Ad Astra - Rumo às Estrelas


Ad Astra - Rumo às Estrelas
Assista Agora!
Vivo Play NET NOW Looke Google Play Amazon Prime Vídeo Youtube

Brad Pitt faz uma sessão de terapia espacial em Ad Astra – Rumo às Estrelas. Sandra Bullock havia feito a dela em Gravidade (2013). Assim como o premiadíssimo filme de Alfonso Cuarón, Ad Astra é uma virtuose tecnológica. Imagina o que Stanley Kubrick teria inventado em 2001 – Uma Odisseia no Espaço com os recursos do século 21.

O clássico de 1968 é referência constante na jornada do astronauta Roy McBride. Silêncio, solidão, reflexão, introspecção. Há muito também de Coração das Trevas, o romance de Joseph Conrad que inspirou outro marco do cinema, Apocalypse Now (1979), de Francis Ford Coppola. Assim como o capitão vivido por Martin Sheen se embrenha pelo Camboja atrás do paradeiro do mitológico coronel Kurtz (Marlon Brando), Roy parte rumo a Netuno para resgatar o pai, desaparecido há 16 anos.  

Clifford McBride (Tommy Lee Jones) virou notícia por ser o líder da missão que foi aos limites do sistema solar para tentar detectar sinais de vida alienígena. Pois ele pode estar vivo e ser o responsável por uma série de descargas eletromagnéticas que ameaçam a vida na Terra. Ad Astra se passa em um futuro não muito distante. Há voos comerciais para a Lua e Marte está acessível aos humanos.

O diretor James Gray sai das entranhas da Floresta Amazônica de Z: A Cidade Perdida direto para a imensidão do espaço, e cria imagens absurdamente lindas. A família está no cerne de ambos, na verdade de toda obra do cineasta, em filmes como Fuga de Odessa, Os Donos da Noite e Era Uma Vez em Nova York. Roy McBride, o novo membro do clã “Gray”, é contido e treinado a ponto de manter os batimentos cardíacos sempre em nível de calmaria. No íntimo, porém, é um redemoinho emocional. As imagens de Liv Tyler (Beleza Roubada) como a esposa que sai de casa logo no início sinaliza que a aparente serenidade pode ruir a qualquer momento.

Não peça muita ação física, mas ela existe - a mais agitada acontece em solo marciano. O movimento maior aqui é mental. Brad Pitt coloca a bagagem dos seus 55 anos de idade a serviço da atuação mais intimista de sua carreira. Roy busca o pai para encontrar em si mesmo as razões pelas quais represa seus sentimentos. Ao encarar a própria fragilidade, ele se permite chorar. É libertador.




Trailer

Ficha Técnica

Título: Ad Astra - Rumo às Estrelas/Ad Astra
Direção: James Gray
Duração: 123 minutos

País de Produção/Ano: EUA/China, 2019
Elenco: Brad Pitt, Tommy Lee Jones, Ruth Negga, Donald Sutherland, Liv Tyler
Distribuição: Fox Film

Assista Agora!
Vivo Play NET NOW Looke Google Play Amazon Prime Vídeo Youtube

Compartilhe!

Suzana Uchôa Itiberê

Suzana Uchôa Itiberê

Posts do Autor

Cinéfila incorrigível, jornalista de plantão, crítica de cinema (não muito) chatinha e editora caprichosa. Cria do jornal O Estado de S. Paulo, trabalhou nas revistas TVA, Set, Istoé Gente e foi cofundadora da revista Preview. Membro da Abraccine (Associação Brasileira de Críticos de Cinema).

Comentar

* Informação requerida
1000
Iamgem do Captcha

Comentários (0)

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro!