quinta, 26 de novembro de 2020

Rainha de Copas


Rainha de Copas
Assista Agora!
Cinema Virtual

Em tempos de #TimesUp, #MeToo, Rainha de Copas faz barulho por estar totalmente fora da curva. O que diriam as feministas mais inflamadas se um diretor estivesse no comando dessa história controversa... Mas não. Vencedor do Prêmio do Público no Festival de Sundance, o filme dinamarquês é produzido, escrito, dirigido e estrelado por mulheres. Trine Dyrholm, consagrada por A Comunidade e Em Um Mundo Melhor, interpreta Anne, a advogada especialista em casos de violência contra menores. Bem casada e mãe de duas garotinhas, ela vai se envolver com Gustav, o enteado adolescente.

O sueco Gustav Lindh interpreta o personagem de mesmo nome, rapaz problemático, recém-expulso da escola, que vai morar com o pai, o médico Peter (Magnus Krepper), com quem pouco conviveu. Não se engane. Ele pode não ser um poço de inocência, mas tem 17 anos, está perdido e carente. O predador dessa vez é uma mulher empoderada (oh palavrinha chata). Anne avança por luxúria, para aplacar o tédio, por querer sentir os calafrios da juventude.

A cineasta May el-Toukhy assina o roteiro em parceria com Maren Louise Käehne, e não falta coragem na maneira como narra a aproximação desse “lobo mau”. Primeiro à espreita, como quem não quer nada, depois um selinho fortuito e então o bote, em  uma cena de sexo que vai dar o que falar. As consequências desse jogo de sedução são trágicas e o que até então era um drama familiar toma contornos de thriller. O final é arrasador.

Rainha de Copas é um filme sobre escolhas. Sobre dar um passo, certo ou errado, e não poder voltar atrás. Protegida pela máscara da mãe de família defensora da causa infantil, Anne vai longe na cruzada para manter seu status quo. Para o público feminino, o gosto amargo diante dessa rainha que descarta seu valete é ainda maior.

Na entrevista em vídeo a seguir, o talentoso Gustav Lindh, que esteve no Brasil para apresentar o filme, fala do maior desafio de sua ainda iniciante carreira.




Trailer

Ficha Técnica

Título: Rainha de Copas/Dronningen
Direção: May el-Toukhy
Duração: 127 minutos

País de Produção/Ano: Dinamarca/Suécia, 2019
Elenco: Trine Dyrholm, Gustav Lindh, Magnus Krepper, Silja Esmår Dannemann, Liv Esmår Dannemann, Stine Gyldenkerne
Distribuição: Arteplex Filmes

Assista Agora!
Cinema Virtual

Compartilhe!

Suzana Uchôa Itiberê

Suzana Uchôa Itiberê

Posts do Autor

Cinéfila incorrigível, jornalista de plantão, crítica de cinema (não muito) chatinha e editora caprichosa. Cria do jornal O Estado de S. Paulo, trabalhou nas revistas TVA, Set, Istoé Gente e foi cofundadora da revista Preview. Membro da Abraccine (Associação Brasileira de Críticos de Cinema).

Comentar

* Informação requerida
1000
Iamgem do Captcha

Comentários (0)

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro!