terça, 30 de novembro de 2021
Streaming Animação

Napo


Napo
Assista Agora!
Youtube

Depois de circular por mais de 60 festivais mundo afora e sair premiado em 20 deles, o curta-metragem brasileiro Napo acaba de estrear gratuitamente no canal da produtora Miralumo Films no YouTube, e já bateu as 20 mil visualizações. São 16 minutos de pura ternura, em uma animação com traços no melhor estilo Pixar. A trama gira em torno de Napo, um senhor com Alzheimer que vai morar com a filha Lenita e o neto João. O filme já estava pronto quando o diretor paranaense Gustavo Ribeiro perdeu o avô para a Covid-19, e só então se deu conta de que a história escrita em parceria com Gabriela Antonia Rosa era mais universal do que pensava. “Napo ganhou outro sentido depois da morte do meu avô, porque não é só sobre o Alzheimer, mas sobre as relações que temos com as pessoas que amamos e como elas mudam a nossa vida”, disse em entrevista em vídeo ao portal OQVER (veja a seguir).

Napo

No primeiro contato com o neto, Napo nem o reconhece. Incapaz de compreender a doença do avô, João acha uma maneira de criar novas lembranças para ele. Ao tropeçar em um álbum de fotografias antigas, ele deixa as imagens guiarem sua imaginação e transforma fotos do avô em desenhos. Os traços simples de João reascendem as memórias de Napo, que ganham a tela em cenas lúdicas e enternecedoras. Assim como Umbrella, outro curta nacional animado que merece ser visto e está no YouTube, Napo não tem diálogos. A trilha sonora conduz uma narrativa acessível a todas as idades. Ribeiro diz ter ficado impressionado com a reação das crianças na exibição em festivais. “Consegui notar as percepções de diferentes culturas para a vida, a lembrança e a morte”, conta. “A maturidade das crianças é incrível”.  

Napo

Para os adultos, é forte a sensação de nostalgia da realidade desplugada. Tempos de TV de tubo e VHS, tempos de contato físico e verbal. Nada de cliques e emojis. Se no avô o menino encontra companhia para dividir sua paixão por desenhar, a reaproximação entre eles reforça os gatilhos positivos da troca entre gerações. Sem ser panfletário, Napo propõe uma reflexão sobre a importância do contato físico e do afeto familiar para o bem-estar do paciente com Alzheimer e do idoso em geral. Na entrevista, o cineasta fala sobre a origem da história, concebida lá em 2015, num papo entre amigos na época em que Ribeiro cursava Artes Visuais na UFPR (Universidade Federal do Paraná). Espia que tem emoção no final.




Trailer

Ficha Técnica

Título: Napo
Direção: Gustavo Ribeiro
Duração: 16 minutos

País de Produção/Ano: Brasil, 2020
Elenco: n
Distribuição: Miralumo Films

Assista Agora!
Youtube

Compartilhe!

Suzana Uchôa Itiberê

Suzana Uchôa Itiberê

Posts do Autor

Cinéfila incorrigível, jornalista de plantão, crítica de cinema (não muito) chatinha e editora caprichosa. Cria do jornal O Estado de S. Paulo, trabalhou nas revistas TVA, Set, Istoé Gente e foi cofundadora da revista Preview. Membro da Abraccine (Associação Brasileira de Críticos de Cinema).

Comentar

* Informação requerida
1000
Iamgem do Captcha

Comentários (0)

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro!