quinta, 26 de novembro de 2020

Beleza Eterna


Beleza Eterna
Assista Agora!
Vivo Play NET NOW Looke iTunes

O ator Craig Roberts (Amizades Improváveis) estreou na direção com um filme sobre bullying entre adolescentes, o inédito e elogiado Just Jim (2015). Agora, com Beleza Eterna, adentra o complexo universo da esquizofrenia paranoica, distúrbio mental que provoca alucinações em Jane (Sally Hawkins, Godzilla II) e faz com que ouça vozes. Medicada, ela vive com relativa autonomia em sua casinha de subúrbio em Londres nos anos 1980. Mas à parte a convivência com a irmã mais velha, Alice (Alice Lowe), na mais completa solidão. A sequência inicial do Natal é de cortar o coração.

Jane vem de uma família abusiva. Agressiva e controladora, sua mãe (Penelope Wilton, Ponto Final - Match Point) não é um exemplo de saúde mental. As três filhas bem sabem disso, e não podem contar com o pai subserviente para protegê-las. Quando Jane é abandonada pelo noivo no dia do casamento, alguns sintomas que já vinham se manifestando a levam ao tratamento psiquiátrico, do qual não mais se desligou. Mas o encontro com Mike (David Thewlis, Estou Pensando em Acabar com Tudo), na sala de espera do psiquiatra, e o romance entre eles traz novos ares à vida e à casa de Jane. Traz também perigo.

Se a jornada de Jane pela doença, pelo amor e pela desilusão pode parecer elementar, o jovem diretor Craig Roberts demonstra maturidade fílmica surpreendente na combinação de planos, tons, cores, figurinos e cenários para embaralhar realidade e alucinação não apenas na subjetividade de Jane, mas também do espectador. Uma simples locução de um programa de rádio instaura a dúvida. A tentativa de sequestro do sobrinho, sob a ordem do noivo com quem ela pensa conversar constantemente ao telefone, traz elementos de suspense à trama, que por vezes beira a comédia de humor negro.

Tantos matizes só se harmonizam em Beleza Eterna pela qualidade da direção e, principalmente, pela performance notável de Sally Hawkins, entre o registro da doçura e da loucura. Indicada ao Oscar de atriz por A Forma da Água (2017) e ao de coadjuvante por Blue Jasmine (2013), Sally é cria do grande diretor britânico Mike Leigh, em filmes premiados como O Segredo de Vera Drake (2004) e Simplesmente Feliz (2008), que lhe deu o Globo de Ouro. Ela já merecida ter levado o Oscar para casa.




Trailer

Ficha Técnica

Título: Beleza Eterna/Eternal Beauty
Direção: Craig Roberts
Duração: 95 minutos

País de Produção/Ano: Reino Unido, 2019
Elenco: Sally Hawkins, Alice Lowe, David Thewlis, Billie Piper, Morfydd Clark, Penelope Wilton
Distribuição: Sony Pictures

Assista Agora!
Vivo Play NET NOW Looke iTunes

Compartilhe!

Fátima Gigliotti

Fátima Gigliotti

Posts do Autor

Cinéfila incorrigível, jornalista, editora, professora (não muito), crítica (chatinha) de cinema e audiovisual. Trabalhou no jornal A Folha de São Paulo, na coleção Cinemateca Veja, nas revistas TVA, Ver Vídeo, Set, Querida e Preview.

Comentar

* Informação requerida
1000
Iamgem do Captcha

Comentários (0)

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro!