terça, 11 de maio de 2021

Cercados: A Imprensa Contra o Negacionismo


Cercados: A Imprensa Contra o Negacionismo
Assista Agora!
Globoplay

Neste 3 de maio, Dia Internacional da Liberdade de Imprensa, o documentário nacional Cercados – A Imprensa Contra o Negacionismo da Pandemia, indicado ao prestigiado Hot Docs Film Festival 2021, é tão necessário quanto entristecedor. A produção original da Globoplay acompanha em registro imersivo a saga de alguns dos principais veículos da imprensa brasileira para realizar a cobertura jornalística dos primeiros meses de pandemia no Brasil. O diretor Caio Cavechini e sua produção acompanharam, de abril a novembro de 2020, jornalistas, editores, equipes de reportagem, simultaneamente, no Rio de Janeiro, em São Paulo, Brasília, Manaus e Fortaleza, incumbidos de informar a população sobre a pandemia e as políticas e medidas do governo e do Ministério da Saúde de prevenção e proteção aos cidadãos brasileiros.

Editor executivo do Profissão Repórter, da Rede Globo, Cavechini roteirizou o documentário em parceria com a repórter do programa, Eliane Scardovelli. Das 400 horas gravadas que resultaram em quase duas de filme, o trabalho da redação do Jornal Nacional ganha destaque. Mas não compromete a relevância da árdua cobertura da imprensa nacional, representada no documentário principalmente por veículos como a Folha de São Paulo, O Estado de São Paulo, O Globo, mas também a CNN, TV Cultura, Band News, agências de notícias e veículos segmentados ou independentes, embora estes últimos sejam apenas citados, basicamente.

No filme, a escalada das mortes de 10 mil, 50 mil até 100 mil acontece enquanto a Covid-19 é vista como uma “gripezinha”, a cloroquina é recomendada como tratamento preventivo, os ministros da saúde são sucessivamente desautorizados e despedidos, o ministro da justiça se demite e inicia uma crise política e institucional com o vídeo da reunião do “gabinete do ódio” tornado público. Em ordem cronológica, com algumas exceções, as imagens do “cercadinho” humilhante ao qual foram confinados os jornalistas incumbidos da cobertura em Brasília, constantemente desrespeitados pelo presidente e seus seguidores, somam-se às dos plantões em frente a hospitais populares, das redações vazias, dos cemitérios superlotados, à busca incessante por dados concretos contra fake news comprovadas.

Somados e em sequência, os fatos narrados no documentário se sobrepõem à perplexidade indisfarçável com o negacionismo oficial das mortes, do perigo, da ciência, da tragédia e escancaram o percurso e o processo que levaram o Brasil aos inaceitáveis, mas reais, números atuais. O diretor Caio Cavechini afirmou que “o jornalismo e a ciência, como formas de conhecimento da realidade, enfrentaram um duplo desafio: lidar com o negacionismo e ajudar as pessoas a se cuidar e as instituições a tomar decisões que protegessem o maior número de cidadãos”. Seu filme é imperfeito, uma produção de exceção em tempos de exceção (esperamos!), e por isso mesmo um registro histórico inestimável do presente e revelador do futuro do País.




Trailer

Ficha Técnica

Título: Cercados: A Imprensa Contra o Negacionismo da Pandemia
Direção: Caio Cavechini
Duração: 114 minutos

País de Produção/Ano: Brasil, 2020
Elenco: v
Distribuição: Globoplay

Assista Agora!
Globoplay

Compartilhe!

Fátima Gigliotti

Fátima Gigliotti

Posts do Autor

Cinéfila incorrigível, jornalista, editora, professora (não muito), crítica (chatinha) de cinema e audiovisual. Trabalhou no jornal A Folha de São Paulo, na coleção Cinemateca Veja, nas revistas TVA, Ver Vídeo, Set, Querida e Preview.

Comentar

* Informação requerida
1000
Iamgem do Captcha

Comentários (0)

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro!