quarta, 17 de julho de 2024
Streaming Drama

Viver


Viver
Assista Agora!
Amazon Prime Vídeo iTunes Youtube Google Play Claro TV Vivo Play

Das cinco indicações ao Oscar 2023 de Melhor Ator, a única performance que faltava chegar oficialmente por aqui é a de Bill Nighy em Viver. A produção chega ao streaming e não há dúvida de que o britânico merecia estar no páreo, vencido por Brendan Fraser em A Baleia. O filme concorreu também a Melhor Roteiro Adaptado para o japonês Kazuo Ishiguro (Vestígios do Dia), que honra o mestre Akira Kurosawa com a nova versão do clássico homônimo de 1952.

Viver

Ishiguro foi laureado com o Nobel de Literatura em 2017, segundo a Wikipédia, pela “grande força emocional presente em seus romances, revelando o abismo sob nosso ilusório sentido de conexão com o mundo”. Williams, o protagonista de Viver, parece existir por inércia. Viúvo, mora com o filho e há pouco com a nora, um ser nada afetuoso. Diariamente, esse senhor taciturno veste o terno, o chapéu coco e parte melancolicamente para o trabalho de chefia no setor de Obras Públicas, na Londres dos anos 1950.

Viver

Com torres de pastas e papelada sem fim, a repartição pública se movimenta com a mesma morosidade do personagem, e o espírito de “tanto faz” contagia os funcionários. Não é à toa que a jovem Margaret (Aimee Lou Wood) lhe deu o apelido secreto de Senhor Zumbi. A rotina de Williams é balançada pela chegada de Peter (Alex Sharp), o novato do escritório, e pela notícia, mantida em segredo, de que tem pouco tempo de vida.

Viver

Seu canto do cisne compreende diversas fases. Cada uma delas é registrada pela câmera ora tristonha, ora divertida, porém sempre lírica, do cineasta sul-africano Oliver Hermanus. Bill Nighy ganhou o Bafta (o Oscar britânico) de coadjuvante pela comédia romântica Simplesmente Amor (2004), e tem feito bonito em dramas como Enquanto Houver Amor (2019). É o tipo do ator que fala sem dizer e aqui trafega com sutileza entre os ânimos que assolam o protagonista.

Viver

Em um primeiro momento, ele experimenta o desamparo familiar em uma casa onde o diálogo é escasso. Em seguida, sente a euforia de uma farra noturna, ao lado de um simpático estranho. O brilho no olhar, contudo, ressurge quando uma epifania o faz redescobrir o apetite pela vida. Williams vai deixar um legado transformador. O roteiro de Ishiguro segue o original com fidelidade e uma bem-vinda pitada do humor britânico. A enternecedora mensagem de Viver é uma lição de altruísmo.




Trailer

Ficha Técnica

Título: Viver / Living
Direção: Oliver Hermanus
Duração: 102 minutos

País de Produção/Ano: Reino Unido, Japão, Suécia, 2022
Elenco: Bill Nighy, Alex Sharp, Aimee Lou Wood, Adrian Rawlins, Anant Varman
Distribuição: Sony Pictures Classics

Assista Agora!
Amazon Prime Vídeo iTunes Youtube Google Play Claro TV Vivo Play

Compartilhe!

Suzana Uchôa Itiberê

Suzana Uchôa Itiberê

Posts do Autor

Cinéfila incorrigível, jornalista de plantão, crítica de cinema (não muito) chatinha e editora caprichosa. Cria do jornal O Estado de S. Paulo, trabalhou nas revistas TVA, Set, Istoé Gente e foi cofundadora da revista Preview. Membro da Abraccine (Associação Brasileira de Críticos de Cinema).

Comentar

* Informação requerida
1000
Iamgem do Captcha

Comentários (0)

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro!